sábado, 29 de junho de 2013

Brasil 8 ou 80: Projeto sobre "cura gay" avança,e brasil demonstra como sua população não consegue se livrar dos extremos da ignomínia.

 Bom,pessoal,nesta semana,a Comissão Talibã de Direitos Humanos da Câmara dos deputados aprovou um projeto de lei prevendo a tão malfada "cura gay",uma verdadeira aberração que beira ao extremo do ridículo,e que pode ser aprovado com folgas pela Câmara. Ou seja,além de termos figuras pitorescas tomando conta daquela comissão (petralhas,gayzistas,feminazis,capachos de mensaleiros e afins),temos que agora,compactuar com projetos rocambolescos,as vezes parecendo ter saído do LIXO ou da merda mental de algum deputado,ou seja,tudo o que é bosta sai de lá. E,por causa disso,projetos importantíssimos,como aqueles que endurecem as penas para crimes graves,prevê a criação de um fundo para a proteção e cuidados com as vítimas dos crimes de violência,cadastro nacional para identificação de pedófilos,programa nacional de pessoas desaparecidas (não as políticas,já presentadas poupudas e bilionárias verbas,com direito a comemoração em local público e tudo,mas as de verdade,que somem,muitas vezes,sumidas por este bando de marginais que os fofuchos esquerdistas adoram defender.),enfim,projetos de suma importância são totalmente ignorado por esta porcaria de comissão,mas,assuntos rocambolescos,fúteis e até EXECRÁVEIS,como,discussão sobre "sexualidade infantil",cartilhas ridículas "pró-gay",que ensinam usuários a cheirar cocaína ou prostitutas a fala "ingrês" por causa da Copa,ou então o verdadeiro show de horrores do parte dos pastores vigaristas que infestam o meio evangélico na comissão,como,parada hétero,dia nacional do orgulho hétero,mais pastores nas cadeias,projeto que prevê a distribuição obrigatória da bíblia nas escola,bolsa-estupro,estatuto desumano do nascituro,que amarra a mulher a uma gravidez que pode até custar a sua vida e praticamente criminaliza o ramo mais promissor,ainda incipiente no Brasil,da ciência a nível global,células-tronco embrionárias,etc... Parece que esse país está fadado a nunca se tornar um país decente,pois,com tantos palhaços se apossando de uma comissão que deveria ser de "Direitos Humanos",é difícil de acreditar que alguma coisa boa saia dali,pois,como disse o primeiro-ministro francês Charles de Gaule,o Brasil não é um país que possa ser levado a sério.




Por um mundo com direitos iguais: Gays e heteros devem ter os mesmos direitos,e nada de subverter a constituição!
 Pois é,os ridículos evangélicos só sabem levantar estultices para defender suas teses ultrapassadas. Essa perseguição criminosa ao Conselho Federal de Psicologia,bem como,um monte de projetos ridículos e fundamentalista,assim como,uma mentalidade escatologicamente escroque,tudo isso se une ao rol de barbaridades perpetradas pelo movimento evangélico. Primeiro,é preciso reconhecer que a nossa atual Constituição foi a principal responsável e cúmplice por esta escalada evangélica,ao remover do ordenamento político as restrições e barreiras sociais e culturais a estes grupos. Pela legislação anterior,havia a censura,e os donos de televisão era tradicionalmente religiosos,jamais conceberiam que mercenários infestassem suas emissoras. Os evangélicos,eram uma minúscula parcela da população,não superior a 4%. No entanto,durante a constituinte,o critério populista e demagógico de reconhecer,incondicionalmente,a condição de caráter religioso destas instituições,independentemente de critérios morais (politicamente falando;obedecendo a critérios do tipo; os valores pregados,são tipicamente de um conjunto determinado de crenças,ou o objetivo intrínseco é o de enriquecimento rápido e aproveitamento político da população,se possuem um sistema de contraprestação social que justifica a imunidade tributária,se o líder cumpre e faz cumprir os valores que prega,etc...). A constituição deixou tudo em aberto,e,hoje toda e qualquer instituição que venha a se declarar religiosa pode assumir tal privilégio,tornando-se assim,imunes à tributação,fonte de riqueza e luxo dos líderes,bem como,administradores de um rentável curral eleitoral,o qual interessa a muitos políticos de má-índole. Assim,um tarimbado casal de picareta$,Estevão e Sônia Hernandes,conseguiram,de uma empresa de publicidade à beira da falência,erguer um dos maiores impérios religiosos,hoje agonizante e declinante,da história do país,bem como,a crença estúpida da era contemporânea,de que todos tem a "liberdade" de pregar o que quiser,de que "é assim e pronto",ou,que a cultura do "ou dá ou desce" é um direito destas instituições que precisa ser respeitado,resultando assim,no fato de que um bando de patifes estelionatários podem vomitar qualquer estultice,pregar e encher os bolsos,e isso torna-se um "direito",visto que eles tem direito à liberdade religiosa. Ou seja,temos de reconhecer de que a Constituição e a lei se tornaram como uma "mãe" para os evangélicos,sem falar no ritual ridiculamente simples de se abrir uma igreja: reúnem-se sete pessoas,elabora-se um estatuto,registra em cartório,e,voilá,estra aberta mais uma igreja. Além,é claro,de sua infestação em emissoras de rádio e TV por todo o país,onde,por meio de paga,incentivada de sobremaneira pela imunidade tributária que lhes é concedida,bem como pelo "direito" a prática de atividades criminosamente extorsivas e de enganação aos fiéis,lhes rendeu muito poder e riqueza,bem como,cadeiras no Congresso. Junto a rápida ascensão dos evangélicos,junta-se a brutal estupidez e ignorância a seus fiéis,pois,para os movimentos neopentecostais,o importante não é a palavra,mas a contribuição e a fidelidade ao "Santo Cordeiro" [o líder da igreja],sendo a bíblia um mero instrumento de retórica para enganar otários e atingir os seus objetivos financeiros (por isso,em nada me surpreende o fato de o bispo Macedo exibir material pornográfico aos aspirantes a pastores,bispos demonizarem aqueles que "não se sacrificam pela obra",bem como,viver no luxo e na opulência que tanto condenam nos púlpitos!),assim,o movimento evangélico cresceu,até hoje,se fazendo perceber por cerca de um quinto da população. Em comparação,temos os representantes de movimentos LGBTs,os quais são claramente suspeitíssimos,pois,são sustentados por organizações internacionais e pela própria ONU,além de seus líderes terem dado declarações asquerosas em favor da pedofilia,e,existe até,um movimento pregando a descriminalização de um dos maiores tabus da história da humanidade,a relação de incesto entre pai e filho,sem falar,é claro,na comprovada colaboração com conhecidíssimos sexuais (dentre os quais Marc Doutreaux,um asqueroso criminoso sexual,que foi protegido até pelo Partido Comunista daquele país.). A colaboração criminosa entre organizações LGBT e entidades abertamente pedófilas,como a NAMPLA (entidade pró-pedofilia muito conhecida nos EUA,a qual foi dissolvida pelo governo americano após vários casos de membros envolvidos em crimes de abuso sexual contra menores,tal suspeita envolve até o "parceiro" do Mott,envolvido com uma conhecidíssima organização pró-pedofilia européia). Sem falar,que,uma importante parte do movimento LGBT são braços políticos de partidos esquerdistas,servindo assim,para arregimentar uma massa de "militantes" para o partido. Além disso,movimentos gays fazem forte lobby para aprovar toda sorte de excrecências: foram os principais responsáveis por forçar a redução da maioridade sexual de 14 para 12 anos,mordaça gays,censura aos meios de comunicação em nome dos "direitos humanos",politicamente correto,a quase feminilização e bitolagem sexual dos membros do sexo masculino,etc... Enfim,ambos são movimentos execráveis,que mercem nosso respeito,tanto quanto Hitler ou Stálin.

2 comentários:

  1. Poucas vezes vi tantas manifestações grosseiras de preconceito recheadas com tantas frases mal articuladas, sem falar na provável pretensão de defender um Cristianismo autêntico com toneladas de impropérios. Falta de limites em casa, falta de cobrança de desempenho na escola. Não parece melhor do que Fernandinho Collor ou mesmo Fernandinho Beira-Mar.

    ResponderExcluir
  2. González Perro Loco1 de julho de 2013 11:26

    Esse Fernandinho consegue ser mais estúpido do que o Conde Loppeux.

    ResponderExcluir